Arquivo de tag prince2 brasil

porATHEM

PRINCE2 Princípios

PRINCE2 Princípios de Gerenciamento de Projetos

Pense em PRINCE2 Princípios como orientadores que devem existir durante todo projeto.

Afinal, esse Princípios são orientações para ampliar o sucesso da iniciativa.

Como usar?

Você usa os princípios através dos processos de gerenciamento e dos temas de gerenciamento.

Como usar: Em outras palavras, os temas facilitam o como usar.

Quando usar: Enquanto os processos facilitam o quando usar.

Mix: Assim, deve você usa os princípios constantemente.

 

Uso correto dos PRINCÍPIOS PRINCE2

Você pode verificar o uso correto dos Princípios do PRINCE2.

Primordialmente, você verifica o uso correto através do Health Check;

O Health Check já vem disponível no livro PRINCE2.

 

PRINCE2 Health Check

PRINCE2 Health Check

PRINCE2 Health Check

O Health check é um check-list para verificar o uso correto do PRINCE2; e também, dos princípios!

O check-list é usado em momentos mais apropriados do projeto.

Então, ele resultará em um diagnóstico.

Logo, você pode aplicar melhorias.

Frequentemente, então, você reavalia os resultados.

 

Questionamentos

Preciso de todos esses Princípios PRINCE2?

  • Você pode ter mais princípios, se você necessitar;
  • Esses Princípios, ao menos, para melhorar o desempenho de seu projeto.

Preciso de todos esses Processos e Temas?

  • Cada tema ajuda em algum aspecto do projeto;
  • Cada processo ajuda no momento correto de uso;
  • Então, junte os 2 e terá uma combinação muito boa para o sucesso do projeto PRINCE2!
  • Enfim, se quer melhorar o desempenho em projetos. 

 

Resumindo

Por último, você deve compreender tanto os temas quanto os processos de gerenciamento.

Ou seja, eles são baseados em lições aprendidas em diversos projetos de sucesso e de fracasso conduzidos;

Em outras palavras, não teórica e sim prática!

 

Outras fontes de informação

Portanto, você deve saber mais sobre em PRINCÍPIOS PRINCE2.

Assim como, sobre os processos e temas.

Por fim, busque mais informação sobre.

 

AXELOS!!!

Assim, AXELOS.Ltd é a proprietária do PRINCE2 e o mantém. Isso acontece desde 2013!

 

Referências Adicionais

Gerenciar por Estágios

Princípios de Programas MSP

O PRINCE2

Princípios do MSP

Categoria | Gerenciamento de Portfólios

Categoria | PRINCÍPIOS

 

PRINCE2 Princípios de Gerenciamento de Projetos

porATHEM

PRINCE2 Evolução desde a década de 70

PRINCE2 Evolução

Pouco se encontra na internet com informações corretas sobre evolução PRINCE2 da Metodologia de Gerenciamento de Projetos.

Portanto, trazemos de maneira resumida, porém correta, sobre o histórico do PRINCE2!

Informando sobre a história até se tornar um padrão de fato para o gerenciamento de projetos.

Sendo qualquer tipo de projeto, independentemente da área que se relaciona, de seu tamanho e independente da indústria.

Venha conhecer PRINCE2 Evolução

Conheça PRINCE2

Você pode aplicar em empresas públicas ou privadas.

Assim, uma breve história do PRINCE2, você poderá conhecer mais se desejar no link PRINCE2 e sua História

Você pode conhecer mais sobre Histórico do PRINCE2 no site Axelos Ltd. ou mesmo conosco.

Em alguns lugares encontrará a informação que o PRINCE2 é da década de 80. Isso não é totalmente correto.

 

Todavia, o Governo Britânico comprou os direitos sobre a metodologia na década de 70. Em 2013 transferiu os direitos para AXELOS Ltd.

Desde sua aquisição, vem trabalhando na Metodologia e PRINCE2 Evolução.

Por fim, com a aquisição pela AXELOS, tal PRINCE2 Evolução não parou. 

Tanto que AXELOS lançou a Versão 6 em 2017.

Embora sua última atualização seja em 2017, a metodologia PRINCE2 não está nada velha! Muito pelo contrário.

PRINCE2 Histórico de sucesso em muitas empresa públicas ou privadas no mundo todo.

Além disso, seja em projetos pequenos, médios ou grandes.

E projetos de diversas áreas do conhecimento se beneficiaram do uso do PRINCE2.

Além disso, PRINCE2 tem em sua Evolução uma história de sucesso para muitas organizações.

Incluíndo o Sucesso Olímpico para os jogos de Londres.

 

Concluindo

Por fim, você poderá encontrar informações adicionais nos links abaixo:

PRINCE2

O que é Metodologia PRINCE2?

Como Renovar a Certificação PRINCE2 Practitioner?

Saiba como foi o Treinamento PRINCE2 no Exército Brasileiro?

Como foi o Treinamento PRINCE2 na APERAM?

Exército Brasileiro investe em Gestão de Riscos com M_o_R

PRINCE2 - Equipe Nações Unidas - Treinadas e Certificadas

 


 

porATHEM

PRINCE2 Agile® Practitioner em Brasília/DF

PRINCE2 Agile® Practitioner em Brasília

O livro PRINCE2 Agile contém um conjunto das práticas e técnicas aplicadas nas principais abordagens ágeis (por exemplo SCRUM, Kanban, Lean, XP, SAFe, DAD, DSDM, FDD, Crystal, práticas específicas PRINCE2 Agile, dentre outras) e como elas podem ser usadas em um ambiente com PRINCE2 para a condução de qualquer projeto, não apenas projetos de TI.

Trata-se da verdadeira abordagem híbrida para Gerenciamento de Projetos. Como a Metodologia de Gerenciamento projetos PRINCE2® naturalmente aceita conexões ágeis, o PRINCE2 Agile é considerado o único modelo híbrido natural.

Bônus Especial (PRINCE2 Foundation (elearning))
DESCRIÇÃO

O treinamento seguirá os preceitos da abordagem Britânica de Gerenciamento de Projetos Ágeis com PRINCE2® e aplicação do exame internacional de certificação. Ao final do treinamento, os alunos estarão aptos a aplicar tais técnicas em um projeto preparar os documentos no modo ágil de se trabalhar, executar as técnicas e efetuar, por opção, a certificação Internacional PRINCE2 Agile Practitioner.

Duração: do módulo 24 horas. Tópicos

  • Introdução
  • Diferenças entre projetos e BAU (business as usual)
  • Visão geral Agile
  • Orientação de 8 pontos
  • Combinando PRINCE2 com Agile
  • Premissas
  • O Hexágono – fix and flex
  • Abordagem Cynefin
  • Requisitos e User Stories, Feedback loop e priorização
  • Organização da equipe e papéis ágeis
  • Os temas PRINCE2 e a modo ágil de trabalho
    • Business Case
    • Organização
    • Qualidade
    • Riscos
    • Planos
    • Mudanças
    • Progresso
  • Princípios PRINCE2 e o modo ágil de trabalho
    • Justificativa contínua
    • Aprender com a experiência
    • Papeis e responsabilidades bem definidos
    • Gerenciar por estágios
    • Gerenciar por exceção
    • Foco nos produtos
    • Adquação
  • Agilometer
  • Kanban, Lean Start-up, helth check
  • Processos PRINCE2 e o modo ágil de trabalho
    • Starting up
    • Initiating a Project
    • Directing a Project
    • Controlling a Stage
    • Managing a Product Delivery
    • Managing a Stage Boundary
    • Closing a Project
  • Comportamento ágil
  • Agile focus area
  • Técnicas Ágeis
  • Conceitos Àgeis
  • Frameworks Ágeis
  • Simulados

 

PRÉ-REQUISITOS

Para efetuar o exame PRINCE2 Agile Practitioner, há que ter ao menos uma das seguintes certificações:

  • PRINCE2 Foundation
  • PRINCE2 Practitioner
  • PMP®
  • CAPM®
  • IPMA (qualquer nível)

Para apenas fazer o treinamento, ter um conhecimento básico em PRINCE2 e um conhecimento básico em projetos ágeis.

Se você não conhece o PRINCE2, você ganhará o elearning PRINCE2 Foundation

 

MATERIAL DO TREINAMENTO
  • Material didático em Formato eletrônico – PDF
  • Livro oficial PRINCE2 Agile (opcional)
  • Exame PRINCE2 Agile Practitioner (opcional)
  • PRINCE2 Foundation (elearning)

 

ESSE TREINAMENTO É PARA QUEM?
  • Comunidade que usa ou se interessa por PRINCE2
  • Qualquer profissional que gerencia ou dá direcionamento em projetos com PRINCE2
  • Qualquer pessoa envolvida ou impactada por um projeto com PRINCE2
  • Qualquer pessoa envolvida com projetos ágeis
  • Qualquer profissional que deseja entrar na área de projetos
  • Qualquer profissional que deseja alavancar a carreira. A única certificação que mostra ao mercado que você tem conhecimento em Projetos Tradicionais e Projetos Ágeis.

 

EXAME DE CERTIFICAÇÃO 
  • São 50 perguntas situacionais, ou seja, baseadas em um cenário de projeto
  • Duração de 3:00horas;
  • Lingua inglesa;
  • Livro PRINCE2 Agile pode ser usado para consulta;
  • Aprovação com 60% de aproveitamento
BENEFÍCIOS AO PROFISSIONAL 
  • A certificação em Gerenciamento de Projetos mais completa do mercado
  • Certifica que você conhece abordagem "tradicional"
  • Certifica que você conhece abordagens ágeis de forma mais ampla
  • Certifica que sabe aplicar

 

INVESTIMENTO
Investimento
Curso R$    940,00
Exame (opcional) R$ 1.650,00
Livro (opcional)  R$    420,00
Total R$ 3.010,00

 

DATAS

Segundas, quartas e sextas

Dias 12, 14, 16, 19, 21 e 23 / Março - 19:00 às 22:00

Exame de certificação - 23/Março às 19:00

 

TREINADOR

Ernani Marques - Linkedin

 

RESERVE JÁ SUA VAGA - Adicione suas opções ao carrinho 

Curso - adicionar ao carrinho

Livro PRINCE2 Agile - adicionar ao carrinho

Exame - adicionar ao carrinho 

 

DÚVIDAS? 

Contate a ATHEM Centro Oeste - centrooeste @ athem.net.br

 

http://athem.net.br/prince2-agile-agilometer/

 

 

http://athem.net.br/o-prince2/

 

 

http://athem.net.br/prince2-evolucao/

http://athem.net.br/prince2/

 

 

 

 

porATHEM

PRINCE2 Agile e os Papéis

PRINCE2 Agile e os Papéis

INTRODUÇÃO

Esse breve artigo tem objetivo dar um singela apresentação sobre os papéis e responsabilidades em um projeto com PRINCE2 Agile.

 

PRINCÍPIOS PRINCE2

Um dos princípios do PRINCE2 é a existência de Papéis e Responsabilidades bem definidos (terceiro princípio). Assim, o princípio dá clareza, não apenas no aspecto do "quem irá fazer o quê", mas também dá clareza em relação a "quem RESPONDE" pelo que.

Ele é alinhado às abordagens ágeis que também incluem clareza em relação aos Papéis e Responsabilidades, porém não há clareza em relação à responsabilização.

Outro princípio importante do PRINCE2 é o tailoring, o que significa que existe a necessidade de efetuar adaptações à metodologia que é empregada na empresa para as necessidades do projeto.

Em outras palavras, você fará adaptações nos papéis e responsabilidades. Porém, a responsabilização específica sempre existirá (por exemplo: alguém deverá ser responsabilizado, claramente, pelo sucesso e pelo fracasso do projeto).

 

O LIVRO PRINCE2 AGILE e os Papéis

No livro PRINCE2 Agile da AXELOS [1] afirma que não há um direcionamento único, ou direto, para a atribuição das responsabilidades em um ambiente ágil, todavia, fornece algumas possibilidades de estruturação de equipe (trata-se inclusive de um alinhamento ao sétimo princípio do PRINCE2 - adequar ao ambiente do projeto).

Uma das discussões recorrentes em grupos de discussão é a existência, ou não, do Gerente de Projetos num ambiente ágil e limites de responsabilidade.

O Gerente de Projetos

No PRINCE2 Agile a figura do Gerente de Projetos (GP), assim como do Gerente de Equipe Especialista (GEE), são presentes, porém com adaptações em suas atribuições. Isso porque entende-se como sendo importante sua participação e suas atribuições como por exemplo a interface com o Comitê Diretor do Projeto, ou Gerente de Programa para o caso do Projeto estar sob a tutela de um Programa.

Porém, ele deixa clara a necessidade do Gerente do Projeto e do Gerente de Equipe Especialista em compreender a forma de se trabalhar em um ambiente ágil. Isso não é muito agradável para os agilistas mais ortodoxos.

O gerente de Equipe Especialista

O Gerente de Equipe Especialista, muitas vezes, pode fazer o papel do SCRUM MASTER. Por exemplo, em um projeto pequeno e que o GP domina o ambiente técnico, ele faz o papel do Gerente de Equipe Especialista, e também pode fazer o papel de SCRUM MASTER (se necessário).

Novamente, não há um direcionamento único ou alguma imposição do tipo: tem que ser assim e pronto! O princípio tailoring precisa existir.

A figura 1 mostra como seria uma situação desejável, enquanto a figura 2 mostra uma configuração possível.

PRINCE2 Agile - Estrutura da Equipe

PRINCE2 Agile - Estrutura da Equipe possível

 

Figura 1 - Configuração desejável -       Figura 2 - Configuração possível - Fonte PRINCE2 Agile

 

O livro PRINCE2 Agile trás papéis genéricos que podem ser utilizados, se necessário:

  • Customer Subject Matter Expert (CSME);
  • Customer Representative (CR geralmente está fora da equipe de entrega);
  • Supplier Subject Matter Expert (SSME);
  • Supplier Representative (SR geralmente está fora da equipe de entrega);
  • Então, Delivery Team Quality Assurance (QA)

Esses papéis genéricos foram definidos por que, na prática, eles existem de fato em muitos projetos, porém sem uma clareza em sua abrangência de responsabilidade e responsabilização. Dessa forma, o livro dá clareza para o caso de uma organização achar interessante utilizá-los.

A figura 3 apresenta a possível estruturação com apenas uma equipe PRINCE2 Agile e os papéis propostos, enquanto a figura 4 apresenta a possível estruturação com diversas equipes.

 

A Estrutura para uma EquipeA Estrutura para uma Equipe

 

Figura 3 - equipe única                                  figura 4 - equipe múltipla - fonte PRINCE2 Agile

CONCLUSÃO

O livro PRINCE2 Agile e os papéis é para enfatizar a necessidade das equipes conhecerem a forma ágil de se trabalhar; reafirma os princípios fundamentais do PRINCE2 e dá clareza em diversas possibilidades de estruturar uma equipe PRINCE2 em um ambiente ágil de trabalho. 

 

(SAIBA MAIS SOBRE PRINCE2 AGILE)

(SAIBA MAIS SOBRE O LIVRO DE CERTIFICAÇÃO PRINCE2 FOUNDATION)

Compre Agora

 

Exame: Compre agora seu EXAME PRINCE2 Foundation

eLearning Exame: Compre agora seu curso eLearning PRINCE2 Foundation

Então, Compre agora seu livro oficial PRINCE2

PRINCE2 atualização 2017

Por fim, veja esse video sobre PRINCE2 AGILE


AXELOS!!!

Assim, AXELOS.Ltd é a proprietária do PRINCE2 e o mantém. Isso acontece desde 2013!

 

[1] AXELOS é a empresa de joint venture, criada pelo Gabinete do Governo em nome do Governo de Sua Majestade (HMG) no Reino Unido e Capita PLC para executar o portfólio Melhor Prática Global. Axelos tem um currículo invejável e uma carteira de produtos dentre os quais ITIL, PRINCE2, MSP, MoR, MoP, P3O etc.

 

 

WhatsApp chat